Rural Tourism Azores * Landwirtschaftlicher Tourismus Azoren * Turismo Rural nos Açores * Turismo rural en las Azores * Tourisme rural des Açores * Agriturismo alle Azzorre


 

 

 

Quinta das Buganvílias

Ilha de Faial - Horta - Castelo Branco

 

Site: www.quintadasbuganvilias.com

50€

desde

HISTÓRIA
A Quinta das Buganvílias e toda a sua logística retratam as vivências de uma família rural , de meados do sec xx , com alguma expressão económica para a época e para a dimensão da ilha.
Manteve-se sempre na mesma família , e, a actual geração procurou dar-lhe uma utilidade turística , conservando , no entanto , a traça original , e , dotando as instalações de todo o conforto possível.


LOCALIZAÇÃO
A Quinta das Buganvílias está localizada na ilha do Faial, freguesia de Castelo Branco, junto ao Aeroporto, perto do mar e a 9 kms da cidade da Horta.
Está integrada numa quinta com árvores de fruto e produção de flores.
A Quinta das Buganvílias é um convite à quietude e ao repouso. Lá respira-se frescura e harmonia e num silêncio repousante há árvores de sombra e flores de assombro e a serenidade contemplativa de ver o mar…
Acima de tudo há a volúpia das buganvílias! Venha apreciá-las , e viverá dias felizes.


AS CASAS
A Quinta das Buganvílias é constituída por 3 edifícios cuidadosamente recuperados com amplo espaço envolvente.
Dispõe de oito quartos equipados com casa de banho privativo, telefone, ar condicionado e TV cabo, assim distribuídos:

- Casa principal - 3 duplos
- Casa de pedra - 4 duplos e 1 single

Na casa de pedra há salas de estar e Kitchnets de apoio.
No terceiro edifício estão instalados a Recepção e o Bar para uso exclusivo dos hóspedes.


A QUINTA
Com uma área de 2 hectares, é um espaço amplo e privado, onde os hóspedes podem usufruir da frescura das árvores exóticas , do sabor dos frutos tropicais da beleza das flores e do silencio , tudo protegido por " muros " de camélias de lustrosa folhagem.
A estrutura que ainda hoje existe é a mostra das quintas de antigamente em que as
famílias quase se bastavam a si próprias.

 

 

Comentários

Não foram encontrados comentários.

 

 

 

')